sábado, 7 de dezembro de 2019

SOCIEDADE À PORTUGUESA

Em Portugal, as classes sociais sempre andaram misturadas. Para o bem e para o mal. Assim, é possível o empregado ter melhores antepassados do que o patrão e a criada do que a senhora. E isso nota-se. O que não deixa de ser divertido.

AFORISMOS ÚTEIS EM SOCIEDADE (1)

Deve-se agarrar a garrafa pelo gargalo e a mulher pela cintura.

ACTOS SUBLIMES DE UM HOMEM CULTO

Dar um simples passeio num belo jardim com uma mulher bonita (da sua geração ou não mas da mesma criação).

OU SIM OU SOPAS

Um católico progressista deixa de ser católico, um intelectual de esquerda deixa de ser intelectual.

PALAVRAS QUE OS FOLEIROS ESTRAGARAM (1)

Romantismo.

O BLOGUE É UMA ARMA

Contra a foleirada.

HERÓIS ROMÂNTICOS DA MINHA JUVENTUDE (1)

José Antonio Primo de Rivera.

RECEBER E DAR A CONHECER

Contemplar e comunicar aos outros as maravilhas contempladas.

sábado, 30 de novembro de 2019

NÃO NOS ESQUEÇAMOS QUANDO COMEMORAMOS O PRIMEIRO DE DEZEMBRO

1.º de Dezembro é o dia da Restauração da Independência Nacional e marca o início de uma das maiores Épocas de Ouro de Portugal: o Antigo Regime (1640 — 1820).

SAÍDA DE NOVEMBRO

O sábio povo português diz que Novembro é o mês da morte. Confirmando o anexim, temos de facto a encerrá-lo o dia da partida física deste mundo terreno de Fernando Pessoa.

25 DE NOVEMBRO NA HISTÓRIA DE PORTUGAL

1510 — Conquista de Goa.
1975 — Revolução-Contrária começada mas não acabada.

25 DE NOVEMBRO NA LITERATURA

1845 — Nasceu Eça.
1970 — Morreu Mishima.

DOS LIVROS

Vasculhando num alfarrabista, deparei-me mais uma vez com obras literárias por abrir. Pergunto-me novamente quem seriam as pessoas que tinham em casa excelentes livros de grandes escritores sem nunca os terem lido. E concluo agora que foi certamente por estas e outras que se cunhou a expressão «um burro carregado de livros».

TEMPLÁRIOS E GEOESTRATÉGIA NACIONAL

Templários rimam com geoestratégia nacional porque estão presentes na Fundação e na Expansão de Portugal.

QUANDO É QUE OS PORTUGUESES SE FARTARÃO?

Quando é que os Portugueses se fartarão definitivamente dos políticos que dão uma no cravo e outra na ferradura e que querem estar bem com Deus e com o diabo?

AINDA E SEMPRE A LIÇÃO DOS ANTEPASSADOS

As ideias políticas vão e vêm, a Nação Portuguesa volta e meia adormece mas desperta sempre.

AINDA A LIÇÃO DOS ANTEPASSADOS

Nação é Povo e Pátria é Terra.

DA LIÇÃO DOS ANTEPASSADOS

A Nação Portuguesa ressuscitará quando os vivos honrarem — com a fidelidade ao seu exemplo — santos, sábios e heróis.

DA REALIZAÇÃO DAS (PRE)VISÕES

Ando aqui há quase treze anos a repetir sempre as mesmas coisas; mas, de maneiras diferentes. Finalmente, quase todas estão a tornar-se realidade. Refiro-me às matérias de política: nacional e internacional. Ora ide espreitar com atenção o arquivo do blogue, para ver se tenho ou não razão no que agora afirmo. Boas leituras.

PARA A COMPREENSÃO DA GEOPOLÍTICA DO FUTURO

Os principais regimes nacionalistas do século passado foram expansionistas, os deste século serão proteccionistas.

sexta-feira, 22 de novembro de 2019

DO DESPERTAR NACIONAL

Ontem os Polícias, hoje o Mundo Rural, amanhã toda a Nação.
O Futuro está a chegar.

domingo, 17 de novembro de 2019

DESENCRIPTANDO CONCEITOS (CATÓLICO, NACIONALISTA E MONÁRQUICO ME CONFESSO)

Confrades são os meus amigos em Deus.
Camaradas são os meus amigos na Pátria.
Correligionários são os meus amigos no Rei.

sábado, 9 de novembro de 2019

DA QUEDA DO MURO DE BERLIM [FAZ HOJE 30 ANOS]

A Queda do Muro de Berlim foi o princípio do fim do comunismo.
Graças a Deus.

AS FEMINISTAS E OS HOMENS

Certas feministas, todas para a frentex e tudo, afinal, gostam tanto de homens, desde que estes tenham a carteira recheada, que até casam com eles e usam os seus apelidos.

DA SUPERIORIDADE DA MONARQUIA ENQUANTO REGIME POLÍTICO

Já pensaram os meus queridos leitores que, apesar das limitações constitucionais dessas Monarquias e da actual fragilidade dessas Casas Reais, Espanha, Bélgica e Reino Unido já teriam desaparecido como Estados se não tivessem Reis?